Fernando Bezerra (PSB) defende gratuidade nas autarquias municipais de ensino superior


Universalizar o acesso à educação de qualidade tem sido uma das principais bandeiras da campanha do candidato a senador pela Frente Popular, Fernando Bezerra Coelho (PSB). Na manhã desta terça-feira (16), o postulante ao Senado voltou a tratar do assunto em um bate-papo com cerca de cem alunos de uma escola particular da área central do Recife e prometeu se empenhar para estabelecer a gratuidade nas mensalidades das 13 autarquias de ensino superior de Pernambuco.

Fernando ressaltou que durante a gestão de Eduardo Campos já foi realizado um esforço para permitir o acesso de alunos com baixa renda a essas unidades com a implementação de cerca de 3 mil bolsas do Programa Universidade para Todos em Pernambuco (PROUPE). Ainda assim, o candidato ao Senado acredita ser necessário ampliar o acesso 100% gratuito nessas faculdades. “As matrículas e mensalidades nas autarquias municipais ainda são caras, principalmente, para o público de baixa renda. Por isso, nós defendemos que os municípios dispensem a cobrança das mensalidades nessas autarquias e o Estado possa ajudar, de forma gradual, para uma futura estadualização dessas instituições”.

Além da proposta para gratuidade das autarquias, Fernando reafirmou sua intenção de criar um projeto de lei para a criação da carreira federal de professor e se posicionou favorável à política de cotas para minorias sociais e pessoas com renda mínima. O candidato ainda respondeu questionamentos dos alunos sobre temas como saúde, mobilidade, infraestrutura, reforma política, abastecimento de água e direitos humanos.

A conversa com o eleitorado jovem tem sido uma das principais ações da campanha do candidato da Frente Popular rumo ao Senado. Fernando já se reuniu com jovens em outras nove rodas de diálogos em cidades como o Recife, Caruaru, Paulista e Petrolina. Após a campanha, o postulante a senador pretende manter um fórum permanente de interação com os jovens para discutir seu mandato no Congresso Nacional e receber propostas conectadas com a juventude.