Prestadores de serviço da Prefeitura do Recife estão com salários atrasados

Funcionários terceirizados que prestam serviços a Secretaria de Saúde da Prefeitura do Recife estão sem receber seus vencimentos desde o ano passado.  O não pagamento dos salários é confirmado por uma grupo de trabalhadores da Santa Casa Misericórdia que pediram para ter as identidades preservadas.  "Nós que prestamos serviços para a Secretaria Municipal de Saúde, nos encontramos em situação precária pela falta de pagamento dos salários que estão atrasados desde dezembro, também questionarmos a insalubridade que deveríamos receber por sermos contratados para área da Saúde.".

Em nota o Sindicato dos Profissionais de Enfermagem, Técnicos, Duchistas, Massagistas e Empregados de Hospitais e Casas de Saúde do Estado de Pernambuco informa aos trabalhadores da Irmandade Santa Casa da Misericórdia "que marcou audiência de mediação no Ministério do Trabalho e Emprego para o dia 8 de fevereiro às 10:30h. Nesta audiência será chamado os representantes da Santa Casa da Misericórdia e Prefeitura da Cidade do Recife. O motivo é o atraso de pagamento de salários. Informamos ainda, que está data se deu devido o acúmulo de audiência no MTE. Os trabalhadores poderão comparecer na presente audiência.".

Postagens mais visitadas deste blog

Reitora da UFRPE e secretário de Educação realizam reunião sobre creche escola em Dois Irmãos

Rodrigo Coutinho inicia reuniões da Comissão Especial do Plano Diretor do Recife na Câmara

TCE alerta DER para irregularidades na execução de contrato da BR-101

Após polêmica, Comissão de Cidadania define Juntas na presidência

Coluna do #BlogPautaPolítica

Em primeiro discurso na ALEPE, João Paulo Costa destaca prioridades do seu mandato

Coluna do #PautaPolíticaPE

"Vocês são considerados bandidos e assassinos", disse deputado ao presidente da Vale

Casal de bonecos, Zé Pereira e Vitalina, fazem tradicional viagem de barco pelo Velho Chico para anunciar o Carnaval

Wanderson Florêncio defende parque na Zona Sul do Recife e enfrenta protestos