Eleição para prefeito e vice no município de Ipojuca será realizada neste domingo

A Corte do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco decidiu, no dia (23/01), a data da nova eleição para prefeito e vice no município de Ipojuca, que será realizada neste domingo (02/04). A Secretaria Judiciária do TRE-PE elaborou a resolução nº 279, na qual se determina as datas para todo o processo eleitoral, desde as convenções partidárias até a diplomação.

A candidatura de Romero Antônio Raposo Sales, que obteve o maior número de votos nas eleições municipais 2016, foi indeferida primeiramente pelo TRE-PE, e no dia 13/12/2016 se manteve indeferida pelo Tribunal Superior Eleitoral. A decisão foi baseada em uma condenação por improbidade administrativa com dano ao erário e enriquecimento ilícito devido a uma viagem feita por Sales em 2008, época em que era vereador. O município de Ipojuca abrange 67.210 eleitores na 16ª Zona Eleitoral, com 190 seções. Porém, a resolução do TRE-PE, nº 273, determinou que só poderiam votar os eleitores que já estavam inscritos até o dia 2 de novembro de 2016. Ou seja, o mesmo eleitorado da eleição de outubro de 2016, que corresponde a 66.490.

Os eleitores que se inscreveram após esse prazo até a presente data, não constarão na urna por determinação da resolução e só poderão votar na eleição de 2018. Nos casos dos eleitores que não votaram ou justificaram no dia 2 de outubro, os nomes constam nas urnas e eles poderão votar na eleição suplementar. No dia da Eleição serão utilizadas 188 urnas de seção e 17 urnas de contingência. A maior seção eleitoral é a 122, localizada na Escola Municipal Manoel Luiz Uchoa Cavalcanti, com 401 eleitores.

Teremos o quantitativo de 752 mesários; 63 administradores de prédio; 11 motoristas; 5 servidores do cartório; 6 servidores enviados para suporte tecnológico; 6 servidores para os principais locais de votação, na sede, em Camela, em Nossa Senhora do Ó e Porto de Galinhas. Assim como um total de 844 pessoas envolvidas diretamente no município, além disso, teremos mais a gestão e o suporte remoto na Sede do TRE, que envolverá pelo menos 30 servidores de diversas áreas. Foram investidos R$ 157.208 reais. O juiz da 16ª Zona Eleitoral, Eduardo José Loureiro Burichel está a frente na realização do pleito com o apoio da chefe do cartório, Taizi Freitas e dos servidores, Derly Dourado Júnior, Sandra Valeria Gomes, e demais servidores.

No dia do pleito, os eleitores poderão levar o título de eleitor para facilitar e agilizar o atendimento, mas é obrigatório apresentar um documento oficial com foto. Não serão considerados para votar os seguintes documentos: passaporte, certidão de casamento ou nascimento, assim como xerox autenticada. Boletim de ocorrência não substitui o documento. O final da totalização do resultado está previsto para às 19 horas. Acesse a página com informações sobre as Eleições Suplementares de Ipojuca, através do Menu Eleições > Eleições suplementares Ipojuca.

TRE-PE estabelece plantão judiciário do dia 1 de abril - O Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco fixou o plantão judiciário do dia 1 de abril de 2017. O presidente do TRE-PE, Antônio Carlos Alves da Silva considerando a resolução nº 132 de 18 de junho de 2010, designou o desembargador eleitoral Luiz Carlos de Barros Figueiredo e os servidores lotados no gabinete para ficarem de prontidão judiciário nesse período. No dia 2 de abril, devido a realização da Eleição Suplementar no município de Ipojuca, terá a Sessão do Tribunal com a presença de todos os desembargadores eleitorais. O contato poderá ser feito das 15 às 19 horas, através do número (81) 982375366.

Fonte: Assessoria de Imprensa