Fortaleza confirma as atrações do Réveillon 2018 da capital cearense

A Prefeitura de Fortaleza confirmou as atrações do Réveillon 2018 da capital cearense. Desde do inicio do mês de novembro, o prefeito Roberto Cláudio (PDT) já tinha divulgado algumas informações acerca do evento, no dia 31 de dezembro,  com apresentações de artistas locais e nacionais, representando a diversidade do Ceará. A virada será realizada no Aterro da Praia de Iracema.

As apresentações serão de Wesley Safadão, Selvagens à Procura de Lei, Xand Avião, Marcos Lessa, Simone e Simaria, Felipe Adjafre, Gustavo Serpa, Marcos Lessa, Luan Santana, Marcos Lessa, Chico Pessoa, Fábio Carneirinho e Capital Inicial, além do Luxo da Aldeia, do Bloco Unidos da Cachorra e de uma tenda eletrônica. Na edição deste ano, a expectativa é de que mais de um milhão de pessoas participem do momento da virada, que será comandado pelo humorista Tirulipa e deverá contar com show pirotécnico de 18 minutos.

De acordo com o prefeito de Fortaleza, a antecedência da divulgação é promover cenário favorável ao evento, que deverá impactar positivamente a economia local por meio do turismo. Além da pluralidade musical, o Gestor destacou a importância da parceria entre a Prefeitura de Fortaleza e o Governo do Estado, frisando, ainda, os diferenciais do evento. “Este Réveillon tem duas inovações importantes. A primeira delas é que, pela primeira vez, a gente licitou uma empresa especificamente para captar patrocínio e garantir um financiamento privado, reduzindo ou zerando a participação de recursos públicos na organização de evento um grandioso e gratuito. A segunda é que, por meio de uma plataforma humanitária estimulante, vamos aproveitar a festa, que mobiliza o interior e Fortaleza, além de outros Estados, para divulgarmos o Hospital Oncológico Peter Pan, uma grande obra social feita pelo terceiro setor. Por meio de linha telefônica ou aplicativo de celular, vamos estimular a doação voluntária para viabilizar o empreendimento”, informou Roberto Cláudio.

O secretário da Cultura de Fortaleza, Evaldo Lima, comentou a relevância da pluralidade de gêneros musicais trazida ao evento. “Fortaleza caminha celeremente para se tornar o maior Réveillon do País. Eu me refiro ao brilho da Cidade, à alegria das pessoas e à grande atração realizada por grandes intérpretes da música brasileira. Esse réveillon é muito especial. Tem para todas as sensibilidades estéticas e musicais, atrações de grande apelo popular, flertando com a música plural cearense e universal brasileira”, disse.

Para Erick Vasconcelos, secretário executivo do Turismo de Fortaleza, a minimização do investimento público no evento potencializará os recursos que devem ser injetados na Capital no período. “Esta é a maior festa da nossa Cidade e reúne um bom número de turistas. Estamos esperando cerca de 500 a 600 mil pessoas de fora, que deverão curtir o evento. A expectativa é de que a rede hoteleira alcance cerca de 98 a 99% de ocupação. Isso vai gerar muito emprego e renda na nossa Cidade por meio da economia ligada ao turismo, que impacta, diretamente, cerca de 52 setores”, pontuou.

Com informações da assessoria