Coluna #PautaPolíticaPE desta quinta-feira

O PSDB anda pegando fogo internamente - Não é de agora, mais um grupo ligado ao senador Tasso Jereissati continuam desejando ajustar a situação interna do partido. A equipe de figurões tucanos estão querendo levar a sério a ideia de promover uma limpeza interna profunda, preparando o PSDB para o desafio eleitoral de 2018 e 2020. Atualmente, o partido tem grande expressão no Congresso e demais casas legislativas pelo Brasil a fora. Parece que o senador Aécio Neves está em "stand-by", já o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, a cada dia vem tentando fortalecer sua candidatura para a Presidência da República mais uma vez. 

PSDB em Pernambuco -  O ex-ministro do governo Temer, deputado federal Bruno Araújo, almeja ser o candidato ao Senado pela chapa do petebista Armando Monteiro (PTB), porém, Bruno terá uma briga interna para enfrentar com a família Gomes que defende candidatura própria do partido ao Governo do Estado.

Conexão Pernambuco debate sobre Panorama Geral da Aviação - O Governo de Pernambuco, por meio da Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer do Estado, juntamente com a Prefeitura do Recife, promove o evento “Conexão Pernambuco – Um Panorama Geral da Aviação”. Um workshop com representantes do setor aéreo que irão discutir os rumos da aviação brasileira. A ação acontece na próxima sexta-feira (9), às 15h, no Terraço da Praça de Alimentação do Aeroporto Internacional do Recife.

Candidatura própria do PT em Pernambuco tem lado feminista e renovador - Em recente passagem por alguns municípios pernambucanos, a vereadora do Recife Marília Arraes, sempre acompanhada pela deputada estadual Teresa Leitão, tem mostrado um cenário diferenciado nas eleições 2018. A mulherada petista e admiradoras da vereadora Marília, neta do ex-governador Miguel Arraes, também tem acompanhado as visitas das parlamentares que defendem firme e forte a candidatura própria e feminista do partido para o Governo de Pernambuco. Segundo petistas, o nome de Marília é "bem-quisto" por uma ala do partido que deseja um novo tempo para a legenda depois do golpe contra a presidenta Dilma e as atuais acusações contra o ex-presidente Lula.