Daniel Coelho denuncia governo do Estado e Detran: “Privatizar para cobrar mais caro do usuário é roubo”

O deputado federal Daniel Coelho (PPS / Movimento 23) fez uma dura crítica ao governo de Pernambuco e à gestão do Detran-PE, nesta quarta-feira, na tribuna da Câmara dos Deputados, acusando-os de roubar o povo pernambucano com a cobrança da taxa de vistoria - que triplicou de valor que o serviço passou a ser realizado por terceiros. “Privatizar para cobrar mais caro do usuário é inadmissível. O nome disso não deveria ser terceirização de serviço ou privatização. Isso é roubo mesmo”, afirmou.

Ao longo dos últimos dias, Daniel tem recebido muitas denúncias e queixas da população a respeito da mudança abusiva de preços praticados nas vistorias, desde que elas passaram a ser realizadas pelas empresas credenciadas. “O Detran do Estado de Pernambuco está roubando a população. A gente observa aqui no Congresso Nacional, inclusive a posição do próprio PSB muitas vezes fazendo até demagogia quando se fala de privatização. Mas o Detran de Pernambuco privatizou e colocou exclusivamente para a iniciativa privada a vistoria dos veículos e fazendo isso sem nenhum ganho para a população”, criticou.

Segundo Daniel, o sentido de se levar um serviço para a iniciativa privada é gerar competitividade e trazer ganhos para a população. Só que o que ocorreu no Detran-PE foi diferente. “A gente tinha um custo, quando essa vistoria era feita pelo próprio Estado, onde o usuário, o cidadão, pagava 46 reais pela vistoria e foi para 150 reais. Mais de três vezes o valor da vistoria sendo pago nessa iniciativa do governo de Pernambuco. Dá para a gente debater privatização sobre qualquer assunto, ter opinião contra ou a favor. Mas privatizar para cobrar mais caro do usuário, aí é completamente inadmissível. O nome disso, inclusive, não deveria ser terceirização de serviço ou privatização, isso é roubo mesmo, finalizou o deputado.

Confira um trecho do pronunciamento do parlamentar na tribuna da Câmara dos Deputados:

Fonte: Ascom