Coluna do #BlogPautaPolítica


Novo voo entre Madri e Recife - A Europa Air Lançou oficialmente no dia 24, no estande da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) na Feira de Turismo de Madri (Fitur), na Espanha, uma nova frequência entre a capital espanhola e Recife (PE). A partir de 4 maio, serão três viagens semanais, com a operação de mais uma frequência. “O Ministério do Turismo tem deixado claro a proposta do governo em acabar com as barreiras, e a abertura de 100% do capital das aéreas ajuda a construir isso”, avaliou a presidente da Embratur, Teté Bezerra, ao participar do lançamento da frequência. Para Teté, se o critério para definição de um destino turístico fosse apenas pelo número de belezas naturais, o Brasil já seria um dos mais visitados do mundo. “Entre mais de 100 países avaliados pelo Fórum Econômico Mundial, ganhamos disparado como o que dispõe do maior número de recursos naturais, mas temos que avançar em outras áreas para capitalizar isso”, disse Teté, citando as riquezas do estado pernambucano, como as cidades históricas, as praias, o mar.

Voo Madri/Recife fortalece turismo de Pernambuco - Brindada por um vinho produzido no Vale do São Francisco, a ação contou com a participação de empresários e servidores ligados ao turismo de Pernambuco como Otávio Maroja, da Associação dos Hotéis de Porto de Galinhas; Eduardo Tiburtis, do Convention Bureau de Pernambuco; e Diogo Beltrão, da Empresa de Turismo de Pernambuco. Para Beltrão, a nova frequência demonstra claramente a importância do Nordeste para o turismo brasileiro. “Estamos cada vez mais próximos da Europa. E a tendência é de aumento contínuo”, previu. Em 2018, o Brasil recebeu um total de 1969 voos da Espanha, com um total de 632.968 assentos. As cidades brasileiras que recebem voos diretos das cidades de Madri ou Barcelona hoje são Recife, Salvador, Rio de Janeiro e São Paulo.

Imagem: GCurumim

Zika e as mulheres grávidas
- De acordo com o grupo Curumim, no twitter, cerca de 80% das pessoas infectadas pelo vírus Zika não desenvolvem sintomas e sinais visíveis. Por isso a importância de se proteger. Mulheres grávidas caso apresentem manchas na pele (exantema), com ou sem febre, devem procurar imediatamente uma unidade de saúde.