Coluna do #BlogPautaPolítica


Novo governo sanciona 11 leis - O presidente eleito Jair Bolsonaro vetou a criação de benefícios fiscais para empresas que estão na área da Superintendência do Desenvolvimento do Centro-Oeste (Sudeco) ao sancionar a lei que prorrogou os benefícios para as superintendências da Amazônia (Sudam) e do Nordeste (Sudene). A sanção faz parte de um pacote de 11 novas leis, as primeiras sancionadas pelo novo governo. Também foi sancionada a lei que regulamenta a profissão de psicomotricista, relacionada ao aprendizado e à maturação dos movimentos do corpo humano, e cria os conselhos regionais e federal da atividade. Uma outra lei sancionada é a que permite aos estudantes terem frequência escolar e aplicação de provas diferenciadas por motivo de crença religiosa. Outra lei sancionada permite às pessoas físicas realizarem doações aos fundos do idoso controlados pelos conselhos municipais, estaduais e nacional diretamente na declaração do Imposto de Renda. Saiba mais informações na matéria completa da Agência Câmara Notícias.

Faustão causa polêmica - O presentador do programa Domingão do Faustão, Fausto Silva mandou um duro recado para a classe política ao se referir de forma indireta aos governantes eleitos no Brasil nas eleições de outubro. Sem citar nominalmente Bolsonaro, Faustão falou sobre a necessidade de união da sociedade em torno de pautas de interesses do país, como a saúde educação, emendando que "O imbecil que está lá --e não devia estar-- pode até ser honesto, mas é um idiota que está e está ferrando com todo mundo", afirmou Faustão durante seu programa na Globo, neste domingo (6). Com informações do Imprensa Viva.



Vale a pena perguntar - Existe um descompasso no novo Governo Federal?