Coluna do #PautaPolíticaPE

Foto: Reprodução/Internet

Geraldo e Paulo precisam colocar ordem na casa

A cada dia os aliados do PSB em Pernambuco estão sendo forçados a seguirem outro caminho. Isso vem acontecendo pela falta de dialogo e de um pacto de compromisso entre os socialistas e os correlegionários. Nos bastidores, os deputados e vereadores estão indignados pela falta de habilidade política do governo Geraldo Julio e Paulo Câmara. Alguns secretários, tanto na Prefeitura do Recife quanto no Governo do Estado, não estão recebendo os parlamentares e sua demandas. Além da perseguição das chefias contra os indicados e cabos eleitorais dos deputados e vereadores, antes contra os ex-aliados e agora contra os próprios aliados da Frente Popular de Pernambuco. O governo do PSB precisa urgentemente ligar o alerta e saber que as eleições de 2020 e 2022 será necessário cativar os aliados e não romper. Enquanto isso, os deputados e vereadores estão se fortalecendo com a fraqueza dos socialistas e da esquerda que estão "alienados pelo poder". Sendo assim, o prefeito Geraldo Julio e o governador Paulo Câmara, ambos do PSB, precisam colocar ordem na casa, na PCR e no Governo Estadual, para não desarticularem ainda mais a histórica Frente Popular.

RAPIDINHAS:
     
MANIFESTAÇÃO - O Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Comércio Informal do Recife (Sintraci) realizou um protesto nesta quarta-feira (27) pedindo maior diálogo da Prefeitura do Recife na construção do projeto de requalificação da Avenida Conde da Boa Vista.

VETO - O vereador Antônio Luiz Neto (PTB) reclamou dos vetos do prefeito Geraldo Julio (PSB) aos projetos de lei produzidos pelo Poder Legislativo do Recife, por conterem argumentação frágil e pouco conteúdo. O parlamentar citou que alguns cidades da região sul e americanas possuem leis semelhantes a uma proposta, que foi vetada, e que obrigava instituições de saúde a colocar telefones de órgãos de defesa dos consumidores em local visível. 

NO AR - O comunicador Aldo Vilela comanda dois programas diários na Rádio Transamérica FM, no Recife. Na estréia do "Debate da Transamérica", na última segunda (25),  o jornalista recebeu o governador Paulo Câmara (PSB) que reforçou as perspectivas de melhorias a serem realizadas em Pernambuco ainda este ano. Já na terça (26) foi a vez do deputado estadual de oposição Marco Aurélio (PRTB) e do deputado estadual governista Wanderson Florêncio (PSC).