Cordel do Fogo Encantado se reencontra com o Marco Zero em show apoteótico

Foto: Karina Menezes/Agitação PE

Mangue. Cordel. Poesia. Teatro. Percussão. As diversas artes e ritmos marcaram o final da noite desta segunda-feira de Carnaval (4) no palco do Marco Zero, Bairro do Recife. Encerrando a programação, a banda sertaneja Cordel do Fogo Encantado levou o público à loucura com o primeiro show na folia recifense desde 2010. Inicialmente, o grupo Cascabulho animou a Praça do Marco Zero com os ritmos de samba, coco e maracatu. Além disso, artistas como Zezé Motta, Daúde, Tony Tornado e Ylana Queiroga subiram ao palco com a banda para exaltar a cultura pernambucana e, também, a arte negra.

A última atração da noite foi o Cordel do Fogo Encantado. A banda, que vinha de um hiato de quase 10 anos, voltou ao Carnaval do Recife e emocionou o público com músicas do novo disco, “Viagem ao Coração do Sol” e clássicos antigos. No palco também se apresentou, junto ao Cordel do Fogo Encantado, a cantora Isadora Melo, que faz participação especial no disco. Lirinha, vocalista do Cordel do Fogo Encantado, disse que o show marca o retorno da banda aos carnavais e, também, o reencontro com o público. “Esta é uma apresentação que se torna mais do que especial. Só na nossa pausa é que experimentamos essa distância da festa mais importante do nosso Estado”, explicou.

O reencontro também foi esperado pelos fãs, que lotaram a praça do Marco Zero. Um deles foi o estudante Manoel Pereira, que chegou cedo para ver a banda sertaneja bem de perto. “Eu ouço o Cordel do Fogo Encantado desde a minha adolescência e agora vou assistir a um show deles pela primeira vez e na minha cidade”, disse. Com informações da PCR.