Encontro de gigantes agitou a noite do segundo dia do palco Marco Zero no Recife

Foto: @pautapoliticape

O frevo deu a tônica da maioria das músicas apresentadas por André Rio e Fafá de Belém, na noite deste sábado (2), no Marco Zero. O cantor pernambucano apresentou diversos clássicos carnavalescos de sua terra e contou com as participações do Quinteto Violado, Banda de Pau de Corda e Som da Terra. André Rio já demonstrava sua energia e disposição nos bastidores. Ele estava empolgado com o Galo da Madrugada, desfile do qual participa há 25 anos, e no qual marcou presença na manhã do sábado. Dançarinos completaram o espetáculo de cor, alegria e vibração.

Por sua vez, a paraense subiu ao palco depois da apresentação de Lula Queiroga e mostrou que veio preparada para agradar o público. Com jeito de recado, a primeira música cantada foi o clássico “Voltei, Recife”, de Luiz Bandeira – bastante conhecida na voz de Alceu Valença.

“É uma alegria estar mais uma vez com vocês aqui no Marco Zero. É uma felicidade muito grande participar desse Carnaval brasileiro na essência, plural na alma e pernambucano no coração”, declarou Fafá, para em seguida emendar uma versão frevo de rua, mais rápida, do “Hino do Batutas de São José” – composto inicialmente como frevo de bloco, de andamento mais lento e cadenciado.

Fafá de Belém mostrou estar sintonizada com a luta pela igualdade dos gêneros. “Esse Carnaval é uma homenagem às mulheres do Brasil porque nós sempre fomos empoderadas. Poder é com a gente mesmo!”, declarou em cima do palco, diante de uma plateia que vibrou com a mensagem. Com informações da PCR.

VEJA FOTOS DO SEGUNDO DIA (02/03/2019) DO PALCO MARCO ZERO NO RECIFE ANTIGO - NA COBERTURA DA TURMA DO #AGITAÇÃOPE: