Cantora pernambucana Bia Villa-Chan lança música e clipe com guitarrista Armandinho


Condecoração será entregue em Campina Grande em festa com homenagem a Jackson do Pandeiro, Fagner, Alcymar Monteiro, Biliu de Campina e Silvério Pessoa.

Bia Villa-Chan vem conquistando o respeito e a admiração por onde passa pela firmeza vocal, expressividade em palco e pelas inspiradas performances com o bandolim, seu principal instrumento. Autodidata, a cantora e multi-instrumentista lançou o EP Pedacinho de Mim, gravado no início de 2018, e colheu frutos, recebendo o Prêmio da Música Pernambucana na categoria melhor cantora MPB. Gravou Pirata José, com o compositor, Alceu Valença, tornou-se sensação do carnaval recifense ao puxar trio elétrico no desfile do Galo da Madrugada e será a única mulher agraciada com o Troféu Gonzagão 2019, o Oscar da música nordestina, cuja solenidade da 11a edição será realizada no dia 21, no Teatro Facisa, em Campina Grande (PB).

Bia será condecorada, de acordo com o Instituto Intercultural Brasil (Inbra), em “reconhecimento à sua extraordinária performance musical demonstrando todo o seu talento, carisma e uma maturidade impecável como instrumentista”. Ela é uma das atrações na festa em homenagem ao paraibano Jackson do Pandeiro e aos artistas Raimundo Fagner, Alcymar Monteiro, Biliu de Campina e Silvério Pessoa.

O tributo antecede em poucos dias o lançamento do mais novo single da cantora, Vida Boa, de Fausto Nilo e Armandinho Macêdo, com participação da guitarra baiana do próprio Armandinho, um dos integrantes originais da lendária A Cor do Som. A música é uma das composições do EP Girassons. O disco tem ainda Pirata José e outras duas releituras: Duda no Frevo, de Senô, e Feira de Mangaio, de Sivuca e Glorinha Gadelha. E três inéditas: Aldeia, de Nosly Marinho e Zeca Baleiro, Rumo do Céu e do Mar, de Edinho Queiroz, Dom Tronxo, Marcondes Savio e Gilvandro Filho, e Morena Jambé, de Don Tronxo, Edinho Queiroz e Marcondes Savio, também com participação de Armandinho Macêdo.


Bia Villa-Chan começará o ano de 2020 com eventos e ações voltadas para a maior festa popular do mundo: o carnaval. Na agenda, a recifense já acertou o comando, pelo segundo ano consecutivo, de um trio no desfile do do Galo da Madrugada. Para a ocasião, ela terá como convidado especial Armandinho Macêdo, que é filho de Osmar Macêdo, simplesmente o criador, ao lado de Dodô, desse palco ambulante chamado trio elétrico. E, no domingo seguinte, seguirá para Salvador, onde participará dos festejos na capital baiana.