LBV agradece por mais um ano de grandes conquistas

A Legião da Boa Vontade (LBV) agradece a todos os doadores, colaboradores, voluntários, artistas, youtubers, blogueiros, jornalistas, radialistas, profissionais da mídia e ao povo brasileiro pelo engajamento e por apoiar as ações socioeducacionais da Instituição no ano de 2017.

A força da Boa Vontade mais uma vez se fez presente e, graças à colaboração de todos, a LBV alcançou a marca de mais de um milhão de quilos de alimentos não perecíveis, arrecadados e entregues em cestas, a mais de 50 mil famílias nas cinco regiões brasileiras, proporcionando a elas um Natal mais digno, feliz e sem fome.

Essa é apenas uma amostra das muitas ações que a LBV promove diariamente em suas 82 unidades de atendimento, as quais visam o desenvolvimento social e sustentável das famílias e das comunidades onde vivem, à melhoria da educação e o combate à fome, à pobreza e ao analfabetismo, entre outros desafios sociais.

Por isso, a todos que acreditam neste trabalho humanitário e de solidariedade, que socorre populações em situação de vulnerabilidade, a LBV deseja um ano novo vitorioso e os melhores votos de paz, saúde e realizações. Também convida a continuar na luta “por um Brasil melhor e por uma Humanidade mais feliz”.

Acompanhe as ações da LBV acessando o link http://www.boavontade.com/pt/natalpermanente ou nas redes sociais no Facebook, no Youtube e no Instagram pelo endereço “LBVBrasil”.

Postagens mais visitadas deste blog

Coluna do #BlogPautaPolítica

Paulo Câmara anuncia o segundo escalão do Governo de Pernambuco

Coluna do #PautaPolíticaPE

João Fernando Coutinho terá grupo político participando das eleições 2020 para prefeitura de Pesqueira

Grupo repudia tentativas de censura na Paixão de Cristo de Casa Amarela em Recife

2ª semana de janeiro tem superávit de US$ 1,766 bilhão na balança comercial brasileira

Produção de petróleo e gás natural em 2018

Silvio Costa Filho propõe criação de Frente Parlamentar em defesa do Pacto Federativo

Inscrições abertas para estágio de nível médio no MPPE

Coluna do #PautaPolíticaPE