Alepe reconhece esforços de Armando Cahen Sol com Título de Cidadão de Pernambuco


Reverenciado pela sua experiência em Cirurgia Plástica Reconstrutiva, tendo em vista principalmente pacientes acometidos pelo câncer no Estado, o médico salvadorenho Armando Cahen Sol recebeu o Título de Cidadão de Pernambuco, nesta terça (18) durante Reunião Solene na Assembleia Legislativa de PE, por proposição do deputado estadual Clodoaldo Magalhães. Natural de El Salvador, país da América Central, Cahen Sol chegou a Recife na década de 1970, e se formou em medicina pela Universidade Federal de PE, tendo feito residência em Oncologia no Hospital do Câncer de Pernambuco (HCP), se especializando depois em Cirurgia Plástica Reconstrutiva, relacionada a neoplasias.

Atual Coordenador do Departamento de Cirurgia Plástica do HCP, Armando tem focado seus esforços na busca pela perfeição estética em relação aos acometidos pelo câncer, trabalhando com outros especialistas, para oferecer aos pacientes com câncer a sua forma física mais próxima do normal, devolvendo-lhes sua autoestima e promovendo consequentemente também sua recuperação psicológica. Durante a ocasião desta terça (18), o homenageado destacou o reconhecimento pela sua atuação profissional e ressaltou os retornos que vem conseguindo dar à sociedade, a partir do seu trabalho. “Sempre tentei me envolver e ajudar a comunidade no que fosse possível e, como médico, consigo realizar bem mais”, enfatizou o especialista, casado com a também médica Kristiane Sales, com quem teve duas filhas. 

Propositor do Título, o deputado Clodoaldo Magalhães sublinhou, durante a Reunião Solene conduzida pelo Presidente da Casa Joaquim Nabuco, Eriberto Medeiros, o caráter humano do trabalho de Cahen Sol e sua importância na medicina. “A reconstrução da mama após uma mastectomia, por exemplo, é muitíssimo importante, pois representa a possibilidade de a mulher se apoderar novamente de seu corpo”, observou o parlamentar, que também é médico. Clodoaldo reforçou ainda que Armando Cahen reúne todos os requisitos para a função que exerce, e salientou a perspectiva do salvadorenho de atuar em prol da integridade física e psicológica do ser humano, com uma forte preocupação social, essencial, segundo o parlamentar, à medicina e ao bem-estar da população.