Secretaria implementa Comitê Técnico Regional de Saúde LGBT em Pernambuco

Os 11 municípios que compõem a IX Gerência Regional de Saúde (Geres), com sede em Ouricuri, no Sertão pernambucano, passarão a contar com um Comitê Técnico Regional de Saúde Integral da População de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (LGBT), dispositivo que reunirá representantes de diversos órgãos públicos e da sociedade civil para elaboração de ações e serviços voltados para a população LGBT. A implementação do Comitê foi aprovada nesta quarta-feira (17/07), com transmissão de videoconferência pelo Núcleo de Telessaúde da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE).

"O objetivo do Comitê é ser mais uma ferramenta para a interiorização da Política de Saúde LGBT no Estado. Os membros do grupo se reunirão bimestralmente para desenvolver ações e serviços voltados para o cuidado e acolhimento da população LGBT", pontua o coordenador de Saúde LGBT da SES-PE, Luís Valério Soares. A mobilização para instituir o Comitê Técnico Regional de Saúde LGBT na região foi coordenada pela gerente da IX Geres, Joelma de Jesus Rodrigues. Além de Ouricuri, a VIII Geres, com sede em Petrolina, e a XI Geres, com sede em Serra Talhada, também no Sertão do Estado, contam com comitês regionais de Saúde LGBT.

O Comitê Técnico Regional de Saúde LGBT da IX Geres será composto por representantes das seguintes entidades: secretarias municipais de saúde da região, Vigilância em Saúde, Regulação em Saúde, Atenção Básica de Saúde da IX Geres, Conselhos Municipais de Saúde dos municípios da localidade, Hospital Regional Fernando Bezerra, Hospital Filantrópico de Araripina (Hospital Santa Maria, Secretaria de Educação, autarquia de Educação e campus do Instituto Federal de Pernambuco (IFPE) da região.

Comitê - O Comitê Técnico de Saúde Integral da População de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais (LGBT) de Pernambuco, instituído pela portaria nº 445 de 27 de agosto de 2012, tem a finalidade de promover a universalidade do acesso às ações e serviços de saúde no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS).

O dispositivo tem como objetivo discutir e acompanhar a Política Nacional de Saúde Integral de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais, bem como a implantação desta Política do Estado de Pernambuco, garantindo a equidade na atenção à saúde para estas pessoas. Desde sua formação, vem acompanhando as discussões da saúde para a população LGBT em Pernambuco e fomentando a discussão em diversos espaços públicos, sejam eles governamentais ou não.